Cirurgia Ginecológica Mini Invasiva. Você sabe o que é?

Cirurgia Ginecológica Mini Invasiva

Você está lendo o artigo: “Cirurgia Ginecológica Mini Invasiva. Você sabe o que é?”

 

Procedimentos cirúrgicos ginecológicos minimamente invasivos são aqueles que permitem o acesso ao interior da cavidade abdominal por meio de pequenos cortes entre 5 a 10mm, como é o caso da videolaparoscopia e a videohisteroscopia, que acessam o interior do útero pelo orifício natural do colo e por via vaginal.

A cirurgia ginecológica mini invasiva permite boa visualização e manejo das estruturas pélvicas, oferecendo excelentes resultados no tratamento de muitas doenças ginecológicas de forma segura e com menor taxa de infecção. Além disso, tem incisões menores e garantem uma recuperação mais rápida para a paciente.

É importante ressaltar que a técnica está ligada ao tratamento de patologias etambém ao diagnóstico de doenças ginecológicas.

BENEFÍCIOS DA CIRURGIA GINECOLÓGICA MINI INVASIVA

A cirurgia ginecológica mini invasiva propõe causar menos trauma ao organismo da paciente, o que acarreta uma série de benefícios. Dentre eles, podemos mencionar:

  • Diminuição do desconforto pós-operatório;
  • Menor lesão tecidual;
  • Menor perda sanguínea;
  • Recuperação rápida;
  • Cicatrização mais rápida;
  • Incisão cirúrgica inexistente ou mínima.

Além disso, como a técnica oferece boa visualização e acesso às estruturas pélvicas, permite uma excelente qualidade de tratamento.

CIRURGIAS MINI INVASIVAS REALIZADAS NA GINECOLOGIA

Atualmente existem alguns procedimentos realizados de forma minimamente invasiva na área ginecológica. Abaixo, apresentaremos alguns deles.

HISTEROSCOPIA DIAGNÓSTICA

Por meio da videohisteroscopia, é possível acessar a parte interna do útero, canal endocervical e cavidade uterina, o que permite o diagnóstico e remoção de tumorações e alterações anatômicas.

VIDEOHISTEROSCOPIA AMBULATORIAL E CIRÚRGICA

O princípio da videohisteroscopia é de acessar o interior do útero. Para isso, utiliza uma ótica e histeroscópio com câmera acoplada e fonte de luz para visualizar e identificar alterações na cavidade uterina. As imagens captadas pela câmera são transmitidas para um monitor em tempo real, permitindo ao ginecologista a sua avaliação.

VIDEOLAPAROSCOPIA

Também conhecida como laparoscopia, esta cirurgia mini invasiva ajuda a diagnosticar e tratar doenças da região pélvica e abdominal através de pequenas incisões — que podem variar de 5 a 10mm — e permitem o diagnóstico e tratamento de diversas patologias, tais como cistos de ovário, miomas, endometriose, gravidez ectópica, entre outras. Além disso, a técnica também pode ser utilizada para remoção do útero.

A SCOPE É ESPECIALIZADA EM CIRURGIA MINI INVASIVA

Somos a Scope, uma clínica com mais de 32 anos de atuação especializada na saúde da mulher e cirurgias ginecológicas mini invasivas, cirurgia robótica, uroginecologia e ginecologia geral. Contamos com atendimento integral, personalizado e humanizado para as nossas pacientes.

Diretora Técnica Responsável da Scope Ginecologia Mini Invasiva: Dra. Ivani Pires de Andrade Kehdi – Ginecologista – CRM-SP 30293 / RQE 8614.

 

Você leu o artigo “Cirurgia Ginecológica Mini Invasiva: você sabe o que é?”. Para mais informações sobre o tema, siga nosso Facebook e Instagram. Caso queira saber mais sobre tratamentos e consultas, entre em contato pelo nosso whatsapp.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Open chat